Home / Notícias / CMS Rui Pena & Arnaut: Irão quer armazenar gás em...

CMS Rui Pena & Arnaut: Irão quer armazenar gás em Sines para reexportar

Expresso

14/01/2017

O grupo iraniano OPEX estuda a criação de um hub de gás no porto alentejano para reexportação  
 
As oportunidades de negócios com o Irão aumentaram em diversos sectores de atividade. Entre várias hipóteses de investimento em Portugal, o porto de Sines é a infraestrutura que tem despertado maior interesse junto dos iranianos. Para isso terá contribuído "a estratégia proposta pelo Governo português e pela ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, que promove o armazenamento de gás natural nos portos nacionais destinado a abastecer navios, que atraiu os grupos empresariais iranianos", revelou ao Expresso o advogado de negócios Nuno Faria. 

Numa recente apresentação do mercado do Irão feita em Lisboa pela AICEP — Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal e promovida pela sociedade de advogados Rui Pena & Arnaut foram identificadas diversas áreas com elevado potencial de aumento de negócios a curto prazo. Entre as principais exportações portuguesas para o Irão encontram--se os veículos para transporte de vários passageiros, papel e cartão, cordas e cabos, medicamentos, artefactos de higiene, frutas ou quadros elétricos. Do lado das importações do Irão encontram-se laminados de aço, uvas frescas, ligas de ferro, mármores e granitos e componentes para aeronáutica. 

Publicação
Expresso_Investimento_Irão
Download
PDF 1,4 MB